Cegueira

Cegos de uma cegueira secular!
Quando tiranos pensam em vocês?
[E quando pensaram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando ouvirão a história?
[E quando ouviram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando verão os grilhões?
[E quando viram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando separarão o joio?
[E quando separaram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando deixarão de se submeter?
[E quando deixaram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando olharão o horizonte?
[E quando olharam?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando verão tudo já visto?
[E quando viram?
Cegos de uma cegueira secular!
Quando acordarão, ao fim do sonho?
[E quando acordaram?
Cegos de uma cegueira secular!
Talvez já vivam o ocaso – não percebem? –
Da liberdade de que tanto falam.

[Ari Donato | Salvador / 2016]